Disney+ não terá rotação de conteúdos mensais como na Netflix

Disney+ não terá rotação de conteúdos mensais como na Netflix

5 de novembro de 2019 0 Por gasuportetech

O Disney+ está se aproximando mais e mais. Com a data de estreia marcada para o dia 12 de novembro, o serviço de assinatura já confirmou tudo o que estará disponível no primeiro dia — mas uma das coisas mais interessantes é que, ao contrário dos seus concorrentes como a Netflix, a proposta da Disney por aqui não é rotacionar os conteúdos tão frequentemente assim.

Segundo uma reportagem apurada na última segunda-feira (4) pelo ComicBook, não teremos um cronograma mensal de novidades entrando e saindo da plataforma de streaming. “Não haverá uma ‘lista rotativa’ de filmes licenciados a cada mês”, explicou um representante do Disney+ ouvido pelo site. Ele também reforçou que alguns conteúdos serão permanentes no serviço.

“Com o Disney +, os amados clássicos da Disney agora serão transmitidos em um local permanente, incluindo Branca de Neve e os Sete Anões, Pinóquio, Cinderela, O Livro da Selva, A Pequena Sereia e O Rei Leão – toda a coleção de assinatura de treze filmes – e todos disponível no primeiro dia”, reforçou o contato, que se manteve anônimo na reportagem.

Ao todo, serão mais de 640 títulos que estarão presentes no serviço, incluindo blockbusters da Marvel Studios e da Lucasfilm. Além de, é claro, os filmes clássicos da própria Disney.

Recentemente, soubemos também que o Disney+ permitirá o download de filmes até se eles saírem do serviço. Além disso, Finn e Poe, a dupla de amigos dos filmes recentes de Star Wars, podem ganhar uma série própria por lá. O serviço é oferecido por US$ 7 mensais nos Estados Unidos, o equivalente a cerca de R$ 28 em conversão direta. No Brasil, ele chegará oficialmente em 2020.

Via TecMundo