Uncategorized

NASA foi hackeada porque havia um Raspberry Pi conectado à rede

Um relatório divulgado pelo Escritório do Inspetor Geral da Nasa informa que a agência aeroespacial foi vítima de um ataque hacker que roubou informações sobre viagens a Marte e outros dados importantes. Não é a primeira vez que um orgão dos EUA é vítima de um ciberataque, mas esse se destaca por ter sido causado por um Raspberry Pi conectado sem autorização no Jet Propulsion Laboratory (JPL).
Normalmente, isso acontece a partir de links que levam a conexões não seguras e enfraquecem o sistema. Nesse caso, porém, os hackers conseguiram acesso a dados confidenciais, como a Deep Space Network — a rede de antenas que a Nasa tem ao redor do mundo para se comunicar com suas espaçonaves e as de outras agências.
A exposição desses dados fez que as equipes de segurança da Estação Espacial Internacional (ISS) e da Orion, o Multi Purpose Transfer Vehicle, optassem por se desconectar da rede. Como problema adicional, o relatório menciona que os investigadores descobriram que algumas das falhas de segurança relatadas no JPL há mais de seis meses ainda não haviam sido resolvidas, o que indica que as recomendações não estão sendo seguidas.
Via: Genbeta

You may also like

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *