Connect with us

Hi, what are you looking for?

Apple

Por que Apple e Google não exigem mais diploma universitário para contratar

(Foto: reprodução) Um diploma garante alguma coisa? Na visão de gigantes da tecnologia do nível de Google, Apple e IBM, não. Essas foram três das empresas mencionadas no levantamento do site Glassdoor, que mostra que algumas das maiores empresas do planeta já não veem mais o curso superior como um diferencial tão grande na hora […]

(Foto: reprodução)
Um diploma garante alguma coisa? Na visão de gigantes da tecnologia do nível de Google, Apple e IBM, não. Essas foram três das empresas mencionadas no levantamento do site Glassdoor, que mostra que algumas das maiores empresas do planeta já não veem mais o curso superior como um diferencial tão grande na hora de contratar um profissional.
Não entenda errado, no entanto. Ao fazer isso, as empresas não estão desprezando o conhecimento, e sim abrindo o leque para novas formas de aprendizado. Especialmente na área de tecnologia, existem inúmeros profissionais que aprenderam o que sabem de forma autodidata, sem depender de um curso superior. Essas pessoas agora têm a oportunidade de entrar em uma empresa gigante se conseguirem provar que são tão capazes quanto aqueles que cursaram uma faculdade.
A questão gira em torno da forma como as pessoas são capazes de usar seus talentos, e encontrar aquilo que é mais adequado para a vaga, o que significa que muitas vezes o candidato será diplomado, mas nem sempre isso será o caso. Como explica ao Huffington Post Maggie Stillwell, responsável por recrutamento na gigante Ernst & Young, “qualificações acadêmicas ainda são levadas em consideração e continuam um ponto importante na avaliação de um candidato, mas não são mais uma barreira para colocar o pé para dentro da porta”.
No caso do Google, a posição de não exigir diplomas para suas vagas vem de uma análise de longa data que concluiu que provas universitárias não são um bom parâmetro para prever o futuro desempenho profissional do estudante. Já na IBM dos EUA, 15% dos novos contratados já não tem mais diploma, com o CEO da empresa publicamente falando que cursos vocacionais e experiência no próprio trabalho são um treinamento mais eficaz do que quatro anos de faculdade.
No fim das contas, o que realmente conta é o conhecimento adquirido, e não o método de aprendizado. 
Fonte: Olhar Digital

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Tutorial

Fala, pessoal! Nessa matéria você irá aprender a como ativar o Office nas versões 2013, 2016 e 2019! Não se esqueça de se inscrever...

Tutorial

Fala, pessoal! Nessa matéria você irá conferir como baixar e instalar uTorrent no PC (Windows)! Não se esqueça de deixar o like e se...

Tutorial

Fala, pessoal! Você irá conferir como desativar Windows Defender do Windows 10 da forma correta! Não se esqueça de deixar o like e se...

Tutorial

Fala, pessoal! Nesse artigo você irá conferir TOP 3 APPS para assistir FILMES e SÉRIES no ANDROID 2021! Não se esqueça de se inscrever...

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE